Publicado por: Evaldo Oliveira | Abril 20, 2012

É BOM QUE SAIBAS

É bom que saibas que aquelas observações super sinceras, ditas sob um coro de risadas  hipócritas, movidas a álcool e energético, ficarão escritas nas linhas do tempo, na expectativa de uma oportuna releitura.

É bom que saibas que as baforadas do teu puro Havana – expressão de tua autenticidade –, com o odor desagradável a dar forma e vida ao desrespeito, maculam ambientes e irritam pessoas. Há um cérebro logo acima do nariz.

É bom que saibas que esse teu comportamento desrespeitoso, em que palavras de mau gosto são proferidas em tom de brincadeira, com falsos tapinhas nas costas, terão o poder de ecoar no bem depois do suportável, e, trovões da alma, ribombarão no tempo e no espaço a serem definidos pela vida.

É bom que saibas que aquelas palavras de duplo sentido, lançadas qual flechas de pontas ungidas em um curare paralisante e corrosivo terá, no contraponto da história, um tacape venenoso erguido em resposta, em tempo para os lados do futuro.

É bom que saibas que a força do dinheiro esbarrará na represa sólida da razão, e que os amigos logo perceberão o valor com que foram avaliados.

É bom que saibas que a juventude não é eterna, e que atributos que se sustentam no nada exigirão contrapartida da estrutura, em uma logística muitas vezes carente de lastro.

É bom que saibas que, por mais que demore, a verdade sempre se sobressairá, e, ao final, vencerá devaneios construídos sob a regência do faz de conta.

É bom que saibas que palavras em cochicho, na penumbra de biombos sombrios, ou quando a presença se ausenta, no atrevimento do óbvio, ecoarão no tempo, impedindo a impunidade quase certa de uma corte sempre favorável.

É bom que saibas que inimizades construídas no bem bom do sucesso, com o reforço de um desdém acometido de prepotência crônica, ficarão encarceradas no escuro refúgio do vácuo, para retornarem com a força e o timbre do rancor,  primo-irmão da vingança.

É bom que saibas que teus estorvos grosseiros e desrespeitosos no trato com os mais fracos, especialmente com aqueles que não podem fazer nada por ti, além de um olhar contemplativo e triste, terão o condão de um tribunal. A justiça tem cabelos grisalhos.

Finalmente, é bom que saibas que podemos ser sinceros, algumas vezes duros, exigentes, generosos, participativos, corajosos, verdadeiros.

E respeitosos.

EVALDO ALVES DE OLIVEIRA

Médico Pediatra e Homeopata

Sócio-Correspondente do Instituto Histórico e Geográfico

do Rio Grande do Norte.


Responses

  1. É bom que saibas que estás ficando bom nisso !
    Abraço
    Júlio

  2. Julio, um abraço. Grato pelo incentivo. Essas observações servem para reflexão do pessoal mais novo. Espero.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: