Publicado por: Evaldo Oliveira | Janeiro 17, 2020

EUNUCOS, do terror da mutilação a um pouco de prestígio

Eunucos são homens que tiveram os órgãos genitais removidos parcial ou totalmente. Na Grécia Antiga a conversão era imposta a quem reincidia em adultério ou em um crime de estupro. Conhecidos desde a antiguidade até nossos dias, o primeiro registro da história vem do século XXI a.C., da cidade de Lagash, na Suméria. É fácil imaginar, face à gravidade da mutilação, a que poucos sobreviviam. Há relato de que apenas um em cada dez sobrevivia.

A prática da castração, e de ter eunucos nas cortes, era comum em toda a Ásia. Os eunucos existiram na China, na Índia, Ásia Menor e toda a Pérsia. Também no mundo árabe antigo era comum tê-los a proteger os haréns dos sultões. Os lugares onde mais apareceram foram na China, na Europa e no Oriente Médio.

Na China, homens eram castrados em forma de punição e condenados a trabalhar de graça, principalmente em construções. Esse meio de punição apareceu oficialmente entre 1050 a.C e 255 a.C. Como a maioria era analfabeta, seus principais serviços prestados eram braçais, mas com o tempo eles conseguiram mudar isso. Eunucos acabaram se tornando bastante influentes, uma vez que essa tradição levou séculos, fazendo com que eles conquistassem poder.

No no Oriente Médio as coisas eram um pouco diferentes. Apesar de eles ainda serem escravos, como os eunucos da China, eles vinham de outros países. Homens eram trazidos da Europa oriental, África e também da Ásia para se tornarem eunucos. A cirurgia era feita fora das terras do Oriente Médio, já que isso poderia tirar a pureza do solo. Aqui, os eunucos passaram a controlar burocracias e conquistar cargos de certa importância.

Por fim, na Europa, os garotos eram oferecidos pelos seus pais para se tornarem os castrati. Estes eram cantores do sexo masculino, que tinham seus testículos cortados para que sua voz não passasse por mudanças durante a puberdade. Eles se tornavam, portanto, cantores com vozes afeminadas e podiam ganhar bastante dinheiro. Eles eram utilizados em óperas, inclusive nas óperas de Mozart.

Apesar de não existirem mais eunucos nesses lugares, na Índia essa prática ainda existe. Os Hijras, como são chamados os eunucos da Índia, vivem à margem da sociedade, sendo conhecidos por terem poderes mágicos. No ano de 2014, os Hijras foram reconhecidos como o “terceiro sexo” na Índia.

Eunucos. Sofrimento, terror. Sucesso em certos setores da sociedade.

EvaldOOliveira

Sócio Correspondente do Instituto Histórico e Geográfico do RN

Cristo, em resposta a uma tentação dos fariseus, respondeu (Mateus 19:12): Pois há eunucos porque já nasceram assim; outros foram feitos assim pelos homens; outros se fizeram eunucos (automutilação) por causa do Reino dos céus.

 

 

 

 

 


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: